Imprimir

Alimentos Que o Seu Cão Não Deve Comer

Escrito por Administrator. Publicado em Saúde e Comportamento

photolibrary rf photo of dog licking 

Quem consegue resisitir àqueles grandes olhos castanhos a olhar fixamente para nós? Será que um bocado dos restos do que tenho na mesa vai mesmo fazer algum mal? Bem, isso depende do que tem na sua mesa e do que o constitui. Uma simples e inofensiva noz, por exemplo, pode causar sérios problemas ao seu companheiro de quatro patas. Na verdade, existe muita comida humana em que os cães nunca deveriam cerrar o dente. Não se trata apenas de um problema de peso, alguns alimentos são extremamente perigosos para o seu cão -  e alguns destes alimentos comuns vão surpreendê-lo.

 

Alcool

Cerveja, vinhos, licores, alimentos com teor alcoólico... está tudo interdito. O efeito do álcool no fígado e cérebro canino é exactamente o mesmo que nos órgãos humanos mas mais destrutivo. Uma pequena quantidade pode provocar vómitos, diarreia, descoordenação, coma.. morte. Quanto mais pequeno o cão, maior o efeito.

Cebolas e Alhos

Independentemente da sua apresentação: cruas, cozinhadas, em pó, desidratadas... a sua ingestão pode destruir as células vermelhas e conduzir à anemia. Ingerir uma grande quantidade duma vez, ou pequenas doses com frequência pode provocar envenenamento. Os sintomas incluem: fraqueza, vómito, sonolência, falta de apetite e dispneia.

Cafe, cha e cafeina em geral

Uma dose generosa de cafeína pode ser fatal para o seu cão. E não existe um antídoto. Os sintomas de envenenamento por cafeína incluem: inquietação, palpitações, tremores e sangramento. A cafeína pode ser encontrada no cacau, chocolate, coca-cola e bebidas energéticas como Red Bull.

Uvas e uvas-passas

Algumas pessoas usam-nas como recompensas para os cães. Não é uma boa ideia. As uvas podem causar insuficiência renal. Basta uma pequena quantidade para despoletar uma crise. Vómitos e letargia são sinais precoces. O melhor é manter as uvas fora do alcance do seu cão.

Leite e derivados lacteos

Na próxima vez que partilhar o seu gelado com o seu companheiro de quatro patas, pense duas vezes. O leite e derivados podem causar diarreia e problemas gástricos.Os cães não têm a enzima responsável pela decomposição do leite de vaca, por exemplo.

Nozes da Macadamia

A ingestão de nozes da macadâmia ou alimentos cuja constituição inclua este tipo de noz, pode ser fatal. Bastam 6 unidades para fazer adoecer um cão. Provoca tremores, enfraquecimento ou paralisia dos membros, vómitos, febre e arritmia cardíaca. O chocolate apenas potencia os seus efeitos, é uma conjugação fatal.

Doces

Doces, pastilha elástica, pasta dos dentes, bolos e alguns alimentos dietéticos contêm xylitol. O xylitol pode provocar um aumento dos níveis de insulina no organismo o que, por sua vez, provoca uma diminuição do nível de açucar no sangue e pode causar falência do fígado.

Chocolate

A maior parte das pessoas sabe que o chocolate não deve ser ingerido pelos cães. O agente tóxico em causa chama-se teobromina. A teobromina está presente em todos os chocolates mas é particularmente activa no chocolate negro e no chocolate culinário. Sintomas: vómitos, diarreia e sede excessiva.

Restos e Ossos

Ambos são prejudiciais para o seu cão. Os restos, normalmente ricos em gorduras, podem causar pancreatite. Os ossos, apesar de fazerem parte do imaginário canino, podem causar asfixia ou podem lascar e causar obstrução e lacerações no sistema digestivo do seu cão.

Diospiros, pessegos e ameixas

O problema destes frutos são as sementes. As sementes do diospiro podem causar inflamação e obstrução do intestino delgado. Além disso, as sementes dos pessegos e das ameixas contêm cianeto, que é tóxico tanto para os animais como para os humanos.

Ovos crus

Existem dois problemas inerentes aos ovos crus: primeiro, a possibilidade de intoxicação bacteriana como a famigerada Salmonela ou E. Coli. Segundo, existe uma enzima presente nos ovos crus que inibe a absorção de Vitamina B, o que pode provocar problemas de pele e no pêlo.

Carne e peixe crus

Este tipo de alimentos padecem do mesmo problema que os ovos: a possibilidade de ocorrer uma intoxicação alimentar. Além disto, algumas espécies de peixes, como o salmão, a truta, o sável ou o esturjão, podem conter um parasita que provoca a "doença do peixe" que pode provocar a morte em duas semanas. Basta cozinhar estes alimentos para prevenir estas situações.

SAL

Partilhar comidas salgadas com o seu cão não é boa ideia. O excesso de sal no organismo provoca sede e micção constante, o que pode provocar envenenamento por ião sódio. Os sintomas incluem: vómitos, diarreia, depressão, febre e tremores. Pode levar à morte.

Alimentos e bebidas açucaradas

O excesso de açúcar provoca nos cães exactamente os mesmos problemas que nos humanos: obesidade, cáries e principio de diabetes.

medicamentos humanos

Curiosamente, a causa mais comum de envenenamento nos cães é precisamente a ingestão de medicamentos humanos. Mantenha-os longe e só os administre ao seu cão sob conselho veterinário. Ingredientes presentes nos medicamentos comuns como o acetaminofeno ou o ibuprofeno podem ser fatais para o seu cão.

a despensa

Muitos dos artigos mais comuns nas nossas despensas podem causar dano ao seu cão. Por exemplo, o fermento ou o bicarbonato de sódio são altamente tóxicos, assim como a noz moscada e outros temperos. Mantenha a sua despensa bem fechada.

Se o seu cao comer o que não deve

Os cães exploram o seu ambiente com a boca, por mais cuidado que tenha pode sempre acontecer o inesperado. Deve ter sempre à mão o contacto do seu veterinário ou da clínica de urgência animal mais próxima. Se suspeita de envenenamento criminoso, deve contactar o SEPNA (Serviço de Protecção da Natureza e do Ambiente da GNR) através do 213 217 291/2.

O que o seu cao pode comer

Carne Magra - Bem cozinhada, deve ser aparada e no caso das aves, deve ser-lhe retirada a pele.

O que o seu cao pode comer

Algumas frutas frescas - Pedaços de maçãs, laranjas, bananas e melancia fazem óptimas recompensas para o seu cão. Lembre-se sempre de remover as sementes. Sementes, talos e folhas podem causar sérios problemas.

O que o seu cao pode comer

Alguns vegetais - O seu cão pode apreciar um snack saudável de cenouras, ervilhas, pepino ou abóbora. Assegure-se, no entanto, que o seu cão não come batatas cruas. Estas contêm uma toxina chamada solamina, prejudicial para o seu cão.

By P Web Design Company

 

 


 

Leave your comments

Post comment as a guest

0
terms and condition.
  • No comments found

 Siga-nos nas Redes Sociais

Contacte com outras pessoas, obtenha as últimas informações, esclareça as suas dúvidas, ou simplesmente mostre ao mundo o seu amor pela Bad Dog! Subescreva os nossos vídeos no Youtube, torne-se fã no Facebook ou siga-nos no Twitter. Assim tem a certeza que sabe tudo sobre nós em primeiro lugar.

baddog connection48gray-circle  facebook-48gray-circle  googleplus-48gray-circle  twitter-48gray-circle  youtube-48gray-circle